terça-feira, 18 de março de 2008

Pneu de avião da TAM estoura durante pouso

Um dos pneus de um Airbus da TAM estourou quando a aeronave pousou na pista do aeroporto Internacional Tancredo Neves em Confins, na região metropolitana de Belo Horizonte, às 18h da noite deste domingo (16). O avião vinha de Buenos Aires a Belo Horizonte, com escala no Rio de Janeiro. O incidente não deixou feridos.

O empresário Silvino Lino voltava de Angola, na África, e embarcou no aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro. "Quando a aeronave tocou no solo, houve um grande estouro, um barulho muito forte. Enquanto o avião pousava, o barulho continuou. Fomos informados pelo piloto o que aconteceu e assim que conseguimos descer deu pra ver que estragou totalmente o trem de pouso dianteiro e também uma parte da dianteira do avião", contou.

Ainda segundo Lino, entre o barulho no momento do estouro do pneu e a parada do avião, houve muita gritaria e desespero dos passageiros: "A aeronave estava lotada. E pra piorar, ficamos uma hora e meia dentro do avião porque fomos impedidos pela TAM de desembarcar. Nisso foi aumentando a aflição e o desespero de todo mundo. Primeiro foi o susto, depois a raiva", completou.

No balcão da TAM no Aeroporto de Confins, os funcionários não quiseram comentar o incidente. A reportagem não conseguiu localizar a assessoria de imprensa da companhia aérea para comentar.

O sistema da empresa que administra os aeroportos, a Infraero, indica que 72 vôos previstos para este domingo em Confins, 13 tiveram atraso de mais de uma hora. Entre 20h e 21h, oito estavam atrasados. Outros cinco foram cancelados. Ninguém da Infraero foi localizado para informar se os atrasos e cancelamentos foram devidos ao incidente com o avião da TAM.

Fonte: Canal 13

3 comentários:

nildo disse...

BOM .MEU COMENTARIO É ARESPEITO DESTE INCIDENTE SOBRE O PNEU QUE ESTOROU E OUTRO COMO O ACIDENTE EM CONGONHAS. BOM O AVIAO SOFRE DOIS PERIGOS 1 NAS DECOLAGENS E 2 NOS POUSOS . PRINCIPALMENTE NOS DIAS DE CHUVAS QUE AUMENTA OS RISCO EU E MEU IRMAO DESEVOLVEMOS UM MODO DE SEGURANÇA ENFALIVEL PARA ACABAR COM ESTES RISCOS .OBRG.

Tomaz disse...

sou o tomaz e nao gostei nada da tam ter impedido os passageiros de desembarcar. Acho negligencia da empresa pois nesse caso deve-se efetuar o desembarque imediatamente pela segurança dos passageiros e da tripulação que também sao gente

Tomaz disse...
Este comentário foi removido pelo autor.